Homepage > As minhas dúvidas >  O processo de reciclagem
Bem vindo ao O meu Ecoponto
Ecoponto Amarelo Ecoponto Azul Ecoponto Verde
O processo de reciclagem
   
Perguntas frequentes sobre o sistema de gestão de resíduos

Saiba tudo sobre como funciona o seu sistema de recolha de resíduos e sobre a forma como é gerido e mantido o seu ecoponto

 
Temas disponíveis
Como reciclar em casa: embalagens
Como reciclar em casa: não embalagens
 O processo de reciclagem
Os responsáveis pela reciclagem
O projecto “O Meu Ecoponto”
1 - Porquê separar?
2 - O que é um Ecoponto?
3 - O que é um Ecocentro?
4 - Que destino têm as embalagens que deposito no ecoponto?
5 - O que é uma Estação de Triagem?
6 - O que é um Aterro?
7 - Que objectos resultam da reciclagem de embalagens usadas?
8 - O que são embalagens não reutilizáveis?
9 - O que são embalagens reutilizáveis?
10 - O que é a Recolha selectiva?
11 - O que são Resíduos Sólidos Urbanos (RSU)?
1-Porquê separar?
As razões são várias:

  • Poupa-se energia, uma vez que não é necessário fabricar os materiais a partir de matérias virgens.
  • Reduz-se a quantidade de matérias-primas virgens que são extraídas (p. ex.: madeira, areia, petróleo, estanho ou alumínio), poupando assim também os recursos naturais disponíveis no planeta.
  • Reduz-se a quantidade de resíduos depositados nos aterros sanitários. Se a reciclagem for eficiente, só serão depositados resíduos que não podem ser valorizados, reduzindo assim a necessidade de construção de mais aterros.
2-O que é um Ecoponto?

Os ecopontos são um conjunto de três contentores que servem para colocarmos, separadamente, vários tipos de embalagens usadas. Cada contentor tem uma cor à qual está associada o tipo de material a depositar, assim, Contentor Amarelo - plástico e metal; Contentor Azul - papel e cartão, Contentor Verde – vidro.  

3-O que é um Ecocentro?

Um ecocentro é uma área vigiada dedicada à recepção de resíduos para reciclagem ou valorização com um volume de contentorização superior aos ecopontos e, com eventual mecanização para preparação dos resíduos para encaminhamento para a reciclagem ou valorização.

Usualmente os ecocentros recebem além dos resíduos de embalagem, os seguintes fluxos de resíduos: madeira, resíduos de jardim, pilhas, óleos usados, resíduos de equipamento eléctrico e electrónico, resíduos de construção e demolição, móveis, pneus e lâmpadas.

Sempre que possuir um grande volume de embalagens usadas ou outros tipos de resíduos que pelas suas características não é possível colocar nos ecopontos nem no lixo indiferenciado deverá contactar o seu Sistema Municipal/Autarquia para se informar sobre a localização do ecocentro mais próximo da sua residência, os horários de funcionamento e o tipo de resíduos que recebe.

4-Que destino têm as embalagens que deposito no ecoponto?

Depois de recolhidas, as embalagens usadas são transportadas para uma Estação de Triagem, onde são submetidas a uma separação ainda mais rigorosa por tipo de material.

A triagem confere aos resíduos a homogeneidade e qualidade necessárias à sua reciclagem. Depois deste processo de selecção, os resíduos de embalagens são enfardados por tipo de material e reencaminhados através da Sociedade Ponto Verde, para empresas que procedem à sua reciclagem.

5-O que é uma Estação de Triagem?
A Estação de Triagem é o local para onde são transportados os resíduos de embalagens depois de recolhidos nos Ecopontos ou Ecocentros onde foram depositados, e onde é feita uma selecção mais rigorosa por tipo de material, através de processos mecânicos e manuais, de forma a permitir o encaminhamento para as empresas recicladoras.
6-O que é um Aterro?
Um Aterro é uma instalação de eliminação utilizada para a deposição controlada de resíduos, acima ou abaixo da superfície do solo. O Aterro é para onde são encaminhados os resíduos que não têm, até ao momento, nenhuma forma de valorização.
7-Que objectos resultam da reciclagem de embalagens usadas?

A reciclagem de embalagens usadas consiste no reprocessamento e na incorporação dos materiais dessas embalagens na produção de novos objectos, com ou sem adição de matéria-prima virgem.

Através da reciclagem valorizamos os materiais de embalagem e damos origem a diversos objectos que usamos todos os dias: peças de vestuário, fibras para enchimento de acolchoados, mobiliário de jardim, vasos, tubos de escoamento, lingotes de metal de alta qualidade, peças para electrodomésticos de uso comum (como esquentadores e fogões), novas garrafas e boiões, livros, jornais, papel de escrita, cartão liso ou canelado, papel higiénico, entre muitas outras coisas.

8-O que são embalagens não reutilizáveis?
Embalagem que se transforma em resíduo após ser usada pelo consumidor ou utilizador, não voltando a ser cheia e/ou usada para cumprir o mesmo fim para o qual inicialmente foi criada. Também designadas por embalagens sem tara, de tara perdida ou sem depósito.
9-O que são embalagens reutilizáveis?
As embalagens reutilizáveis são embalagens concebidas e projectadas para cumprir, durante o seu ciclo de vida, um número mínimo de viagens ou rotações. Estas embalagens são enchidas de novo e utilizadas para o mesmo fim para que foram concebidas. As embalagens reutilizáveis passam a resíduos de embalagens quando deixarem de ser reutilizadas.
10-O que é a Recolha selectiva?
É a recolha dos resíduos sólidos urbanos separadamente por tipo de material, através de ecopontos e ecocentros (equipamentos de utilização colectiva) e/ou métodos de recolha ao domicílio (porta-a-porta).
11-O que são Resíduos Sólidos Urbanos (RSU)?
Os resíduos provenientes das habitações bem como outros resíduos que, pela sua natureza ou composição, sejam semelhantes aos resíduos provenientes de habitações.
   
© GEOTA - Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente
    Sociedade Ponto Verde
>Formulário de Contacto >Disclaimer: >Créditos: